Minha mãe pode ter pouco leite? Tecido Glandular Insuficiente

Introdução

Infelizmente são poucas as pessoas que tem essa informação: sim, você pode ter pouco leite por falta de tecido glandular suficiente. Atenção, pois não estou falando de baixa produção de leite por manejo inadequado da amamentação, ou seja, por técnica incorreta, estou falando de uma condição física que prejudica alguma mulheres.

Tecido Glandular Insuficiente (TGI)

Há estudos que mostram o quanto é importante uma avaliação anatômica das mamas das mulheres ainda na gravidez, pois alguns aspectos físicos devem ser avaliados:
-local onde começa a mama (2º ou 3º espaço intercostal) e onde acaba (5º ou 6º espaço intercostal);
-tamanho do espaço entre as mamas (se menor que 3cm);
-assimetria, aréola grande, inchada e desproporcional;
-estrias sem modificação de tamanho na puberdade;
-ausência de crescimento das mamas na gestação.

Mama tuberosa e depois corrigida com silicone

A Mamas tuberosas de frente B Mamas de lado

Algumas mulheres acabam colocando silicone por ter mamas tuberosas (característica de TGI) e nem sabem, engravidam e depois tem dificuldade para amamentar exclusivamente.

Tecidos glandulares insuficientes significa pouca quantidade de glândulas produtoras de leite. Sabendo dessa condição previamente fica mais fácil de agir para tentar aumentar essa capacidade ao máximo e também suprir a necessidade do bebê.
Existem diversas causas possíveis para TGI: obesidade, desenvolvimento hormonal irregular na adolescência, contaminação ambiental no período embrionário…
O tratamento consiste em agir ainda na gestação com ordenha pré-parto e todas as técnicas de aumento de produção pós-parto.

Ainda tem dúvida? Marque seu horário e vamos conversar!

Deixe seu Comentário

comentários