ofertar-1-ou-as-2-mamas

Estrutura da Mama

Bom, para começar essa discussão é importante lembrar que o seio materno é uma fábrica de leite, ele não é um estoque! Isso significa que se não houver sucção efetiva não há produção adequada. Mas, Bruna então por que meu peito fica cheio se ele não é um estoque?
Durante a sucção do bebê há liberação de hormônios rápidos (ocitocina que ejeta o leite) e hormônios mais lentos (prolactina que produz leite) e o cérebro que atua nesse processo não difere que nesse momento é a mama direita que está tendo o estímulo, dessa forma ele envia os hormônios para a corrente sanguínea e eles atuarão nas duas mamas, porém uma já está sendo esvaziada, a outra sofrerá os efeitos (ficar cheia) tardiamente.

Leite Anterior e Posterior

É importante lembrar que ao longo do crescimento do bebê seu leite vai se modificando de acordo com a sucção e necessidade do seu filho.
Nos primeiros dias de vida você fabrica o colostro, a primeira vacina natural do recém-nascido e ajuda a eliminar o mecônio (primeiras fezes) diminuindo o risco de icterícia (amarelo da pele).
Com a descida do leite (apojadura), suas mamas ficam mais cheias, quentes e pesadas. Muitas vezes o bebê tem dificuldade de extrair o leite pela quantidade enorme de produção láctea que ali sem encontra reflexo do período de sucção de colostro e hormônios.
Com a descida do leite é comum que ele fique dividido em leite anterior (mais aguado, rico em fatores de proteção e proteínas) e leite posterior (mais grosso e rico em gorduras); dessa forma quando o recém-nascido inicia a sucção ele mata a sede, protege-se, mas não mata a fome! É o leite posterior que dá a saciedade aos bebês, fazendo-os engordar.
Com os meses passando e o bebê adequando suas necessidades, o organismo materno também vai se ajustando à criança e essa divisão de leite anterior e posterior vai diminuindo ficando uniforme! O corpo humano é ou não é fantástico?

Faço o que então?

Posto tudo isso, fica evidente que nos primeiros meses do bebê não devemos estipular prazos e horários para que eles mamem. Já ouviu falar “deixe ele mamar 20 minutos e troque de mama”? Então esquece!
Seu bebê precisa esgotar uma mama para receber o leite maduro, posterior. E enquanto ele está mamando você está produzindo. Se você limita o tempo, você limita sua produção e muito provavelmente estará limitando a necessidade do seu bebê, ou seja, com o passar dos dias, a necessidade do seu bebê estará aumentando, porém sua produção de leite não conseguirá alcançar.
É claro que existem bebês que precisam sugar as duas mamas….estou aqui falando para não limitar o tempo, para a oferta ser em livre demanda! Aprenda a conhecer seu corpo, seus sinais, isso vem com o dia a dia, com a convivência entre você e seu filho (a) ele te dará os sinais!

Só não esqueça que seu peito é fabrica e das questões fisiológicas que relembramos! Amamentar nem sempre é simples (Sim, amamentar é difícil!), mas você consegue! Boa mamada!

Deixe seu Comentário

comentários